Acomodação – O Descanso que Desagrada a Deus

Postado por: Benne Den | Em: setembro 27, 2016 | 0 Comentário

Introdução

Sabe qual é o maior erro que os cristãos têm cometido no tempo do fim? A acomodação. Em vez de uma militância concentrada pregando o Evangelho, os cristãos descansam. Mas, este é o descanso que desagrada a Deus.

Muitos começaram ativos, não faltavam às reuniões, evangelizavam e estavam dispostos a fazer qualquer coisa na igreja. Porém, com o passar dos anos,  foram esfriando no zelo, no compromisso, na  prática,  e deixaram de trabalhar na Seara ou passaram a servir esporadicamente e relaxadamente.

Estamos diante de uma geração que descansa na hora de maior necessidade de trabalho. Nunca tivemos tanto “ex” na igreja: ex-pastores, ex-diáconos, ex-trabalhador, ex-obreiro, ex-membro,  etc.

Como pode uma geração de crentes espiritualmente  prostrada?

 

1-    Acomodação – Sonolência e Inércia Espiritual.

A acomodação é um estado de sonolência espiritual, onde o cristão deixa de vigiar, de discernir, de ter envolvimento ministerial, perdendo gradativamente o interesse pelas coisas da igreja, sonhando somente com a sua vida neste mundo, buscando somente as realizações pessoais.

Na Bíblia, há muitas advertências para que nos mantenhamos em constante vigilância:

Efésios 5:14 nos diz: “Desperta ó tu que dormes”.

Mateus 26.41: “Vigiai e orai para que não entreis em tentação”.

Marcos 13: 33 – Olhai! vigiai! porque não sabeis quando chegará o tempo.

Romanos 13:11 – E isso fazei, conhecendo o tempo, que já é hora de despertardes do sono; porque a nossa salvação está agora mais perto de nós do que quando nos tornamos crentes.

I Tessalonicenses 5:6 – não durmamos, pois, como os demais, antes vigiemos e sejamos sóbrios.

1 Pedro 4:7 – Mas já está próximo o fim de todas as coisas; portanto sede sóbrios e vigiai em oração.

Bem-aventurados aqueles servos, aos quais o senhor, quando vier, achar vigiando! Em verdade vos digo que se cingirá, e os fará reclinar-se à mesa e, chegando-se, os servirá. Lc 12:37

 

2-    Acomodação – O Descanso que Desagrada a Deus

Não há nada mais perigoso do que a acomodação espiritual. Por quê

  • Porque a acomodação nos deixa desatentos e preguiçosos;
  • Porque ficamos enfraquecidos e caímos em cativeiro espiritual;
  • Porque perdemos espaço para o inimigo e  passamos a ter uma vida espiritual medíocre.
  • Além de perdermos a vida abundante, o sobrenatural de Deus,  perdemos o privilégio de servir ao Senhor, de sermos úteis em sua obra, mas principalmente perdermos o que Deus tem para nós na sua vinda gloriosa.
  • A acomodação é algo progressivo e contagioso.

Mas Jesus lhes respondeu: Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também. Jo 5:17

Porque vos lembrais, irmãos, do nosso labor e fadiga; pois, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós, vos pregamos o evangelho de Deus. 1 Ts 2:9

Trabalhai, não pela comida que perece, mas pela comida que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do homem vos dará; pois neste, Deus, o Pai, imprimiu o seu selo. Jo 6:27

 Importa que façamos as obras daquele que me enviou, enquanto é dia; vem a noite, quando ninguém pode trabalhar. Jo 9:4

 

3-    Os cristãos acomodados não diferem muito de pessoas não cristãs.

Os acomodados vivem um cristianismo  indolor, sem lutas, sem sofrimento, sem trabalho. O acomodado segue o cristianismo de forma autônoma, independente, sem compromisso, como expectador de um auditório gospel onde só espera alegria, bênção e descanso.

  • Os acomodados preocupam-se  mais pelo seu bem-estar, em seus interesses pessoais, lazer e coisas afins. Eles pensam que vestindo-se bem e freqüentando uma igreja  aos domingos, estão dentro dos padrões bíblicos para os discípulos de Cristo.
  • Os cristãos acomodados são pessoas que não mudaram totalmente suas vidas para Cristo,  que servem a Deus de  modo próprio.
  • Os acomodados ouvem o que lhes é agradável ouvir: a pregação que lhes diz que Deus é amor, que Deus prospera seus filhos,  que nada prevalecerá contra o povo de Deus, etc.

Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências.  2 Timóteo 4:3

 

O acomodado:

  • Não sente a necessidade de evangelizar.
  • Não se importa que uma alma é salva ou perdida.
  • Não sente o peso da responsabilidade cristã.
  • Perdeu o prazer da comunhão dos santos.
  • Não sente vontade de crescer espiritualmente.
  • Falta interesse em testemunhar.
  • Falta interesse em se envolver em um ministério.
  • Falta vontade de frequentar as reuniões da igreja.
  • Negligência na leitura bíblica.
  • Negligência na oração.
  • Falta interesse em contribuir, dizimar.
  • Desmotivado pela volta de Cristo.
  • É super motivado para as coisas  extra igreja.

Como é triste ser um cristão acomodado! Sua vida não é muito diferente de um não cristão.

 

4-    Deus Desperta o  Acomodado

“Levanta-te dentre os mortos” – Ef 5:14

Deus vê o acomodado “descansando” dentro de uma cova,  dentre os mortos.

Vivemos um tempo de cristianismo acomodado, indefinido, meio morto,  sem compromisso… No Apocalipse 3:16,  há uma séria advertência de Jesus aos que vivem assim: “Porque não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca”.

Acomodação é um estado de Cativeiro Espiritual que leva à morte espiritual.

Deus chama, desperta, convoca… Não é do interesse de Jesus que os seus discípulos fiquem descansando em tempo de batalha.

É preciso sair da cova, dessa condição de morto, de ociosidade. O acomodado tem que tomar uma atitude de OBEDIÊNCIA e sair da cova.

Mão no Arado – Terapia ocupacional. Lucas 9:61; Marcos 16:15 – I Pedro 1:21.

Sair da Inércia e envolver-se na Obra. Segurar o Arado e manter-se em constante atividade, envolvendo-se com os assuntos do Reino.

Siga o conselho do Senhor Jesus: “Minha comida e bebida é fazer a vontade do Pai”. João 4:32 a 34.

 

5-    O Sair  da Acomodação Traz Bênção

E Cristo te iluminará. Ef 5:14;  João 15:5. I João 2:27.

Quanto mais distantes de Deus ficamos, mais corretos nos achamos; porém, quanto mais nos aproximamos, mais percebemos nossas fragilidades, nossos pecados, nossa total dependência Dele, Tiago 4:8.

 

O profeta Isaías viu a glória de Deus e então percebeu: “Ai de mim”, Isaías. 6:5.

Pedro estava pescando quando Jesus se aproximou e se achou indigno, disse: “Retira-te de mim”. Lucas 5:8.

 

Quem obedece ao despertamento e sai da cova dos mortos, tem a promessa de receber a “iluminação”, o entendimento, a revelação divina.

 

  • Assim despertados somos abençoados com o entendimento.
  • Assim despertados podemos despertar outros.
  • Assim despertados podemos pregar o Evangelho.
  • Assim despertados podemos viver para Deus.
  • Assim despertados podemos aguardar o Senhor na Sua vinda e com certeza desejar a sua volta, orar por ela, ansiar por ela, pensar nela constantemente, sabendo que estamos preparados para receber o REI.

 

“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor” (1 Coríntios 15:58). Jesus está voltando, você está pronto?

 

 

Sobre o Autor

Pastor-Sênior da Comunidade de Nova Vida em Itapajé-Ceará. Maiores informações: http://www.benneden.com/benneden.htm http://www.novavida.net/pastores

Comentários

O artigo ainda não foi comentado

Adicionar um Comentário